in

12 fatos uteis que podem ajudar salvar sua vida

Desastres naturais podem ser entendidos como sendo um conjunto de fenômenos que fazem parte da geodinâmica terrestre, portanto, da natureza do planeta. Quando ocorrem, podem trazer consequências catastróficas para o ser humano que geralmente causam cada vez mais impactos no planeta. No entanto, nos tempos atuais, essas ocorrências têm aumentado de maneira significativa, sendo vistas com frequência no mundo real e não apenas nos filmes.
Em situações de emergência que acontecem estes desastres, é muito importante tomar as decisões certas, isso pode salvar muitas vidas. Pensando nisso, nossa equipe de redação do site X4T, reuniu informações cruciais que são consideradas muito importantes durante uma emergência. Confira abaixo todas as informações!

1. Jamais coma neve, mesmo que você esteja desesperado por água.
Se você ficar preso em uma floresta em algum lugar frio e precisar desesperadamente encontrar uma fonte de água, poderá ficar tentado a comer um pouco de neve.
Mas é melhor desistir dessa ideia: em ambientes tão frios há o perigo da hipotermia, causada pela exposição extrema ao frio. Para piorar, colocar algo completamente congelado em seu corpo só fará com que a hipotermia ocorra mais rápido. A solução é tentar derreter a neve com algum isqueiro ou algo que possa fazer fogo.


Foto: Reprodução/Pixabay

2. Existe música certa para ouvir enquanto dirige.
Muitas pessoas ouvem música enquanto dirigem, porém, com base em um estudo, as pessoas que dirigiam enquanto ouviam música animada mostraram um aumento da frequência cardíaca, que é uma mistura mortal ao volante. Essas pessoas pareciam se concentrar mais na música do que na estrada.
No entanto, o estudo mostrou que ouvir música de que você não gosta também pode ter efeitos negativos em sua direção, causando irritação, estresse e distração e, portanto, torná-lo imprudente.
O estudo ainda descobriu que, apesar da crença de que a música clássica acalma os nervos das pessoas, as pessoas que dirigiam enquanto a ouviam ficavam imprudentes e erráticas. Finalmente, o estudo concluiu que a melhor música para ouvir deve corresponder à frequência cardíaca de cada pessoa, que fica entre 60-80 batimentos por minuto.


Foto: Reprodução/Pixabay

3. Se você está sendo seguido, vire à direita quatro vezes.
Se você está dirigindo há muito tempo e continua vendo o mesmo carro atrás de você, mesmo tendo feito alguns desvios de rota, é possível que esteja sendo seguido.
O melhor conselho que você pode seguir é manter a calma e virar à direita 4 vezes seguidas. Isso fará com que você volte para onde estava e se o outro carro ainda estiver atrás de você, agora não há dúvida de que eles estão atrás de você. Se for esse o caso, tente chegar a uma estrada barulhenta, com muitas pessoas por perto, ou se dirigir a um posto policial.


Foto: Reprodução/Pixabay

4. Não pegue no colo uma pessoa que desmaiou.
Nunca tente levantar uma pessoa desmaiada: de acordo com a Clínica Mayo, o melhor a se fazer é levantar os pés acima do nível do coração e mantê-los lá até que eles recuperem a consciência.
Os pés elevados intensificam o fluxo sanguíneo para o cérebro e, portanto, devolvem o oxigênio, cuja falta os levou a desmaiar. Solte o cinto da pessoa, se ela estiver usando e somente quando a consciência voltar você ajuda a pessoa a se levantar. Lembre-se de não deixar a pessoa tomar bebidas com cafeína, pois podem fazer mal nesse momento.


Foto: Reprodução/Pixabay

5. É possível solicitar à Siri que chame uma ambulância em caso de emergência.
No ano de 2016, a mãe de uma menina de 1 ano na Austrália viu sua filha ficar azul de seu monitor de bebê. Ela imediatamente correu para fazer RCP, mas no caminho deixou o telefone cair no chão. No entanto, ela lembrou que podia usar a Siri e gritou: “Siri, chame uma ambulância”. Siri chamou os paramédicos e a mãe se comunicou com eles, informando seu endereço. Os paramédicos chegaram e reanimaram a menina. Mais tarde, a mãe enviou uma carta à Apple para agradecer à empresa por ter inventado a Siri, que salvou a filha.


Foto: Reprodução/Pixabay

6. Antes de desastres naturais, encha recipientes para obter provisão de água limpa.
Após grandes catástrofes naturais como tornados e furacões, os suprimentos de água são severamente contaminados, se não completamente cortados, segundo o FDA.
Para se preparar, armazene água e encha todas as suas pias e banheiras com água, para que não haja escassez no período pós-catástrofe.
Outra solução para usar com segurança a água da torneira é ferver a água antes de usá-la. Ao fervê-la, todos os organismos prejudiciais morrem, o que a torna segura.


Foto: Reprodução/Pixabay

7. Se alguém apontar uma arma para você, mantenha o contato visual.
Enfrentar uma pessoa armada é uma das ideias mais assustadoras que passam pela mente de qualquer pessoa. Porém, por mais difícil que pareça, manter o contato visual próximo com o atirador é a melhor coisa a fazer. Olhar diretamente nos olhos fará com que se sintam desconfortáveis ​​e até se sintam mal pelo que estão fazendo. Mesmo que eles quisessem te roubar, podem ficar envergonhados:  lembre-se de que a pessoa do outro lado ainda é um ser humano e só se sente mais forte porque está segurando uma arma.


Foto: Reprodução/Pixabay

8. Use absorventes para feridas grandes.
Uma mulher chamada Kimberly Clark desenvolveu o Cellucotton, um material que poderia absorver grandes quantidades de sangue durante a Segunda Guerra Mundial. Usando isso, ela criou ataduras para soldados.
Após a guerra, esta nova invenção foi usada para criar absorventes para mulheres. Os absorventes ajudarão a manter a ferida livre de sujeira até que você encontre profissionais médicos para te ajudar.


Foto: Reprodução/Pixabay

9. Em caso de tornado, esconda-se na banheira.
Mesmo que te digam que correr para o abrigo mais próximo quando um tornado chegar, talvez o tempo não seja suficiente para isso.
Assim sendo, as banheiras provaram ser os locais mais seguros dentro de sua casa para se esconder em caso de tornado. De acordo com a AccuWeather, os banheiros têm uma estrutura forte e os tubos ajudam a manter sua estrutura unida. Além disso, as banheiras estão tão bem ancoradas no chão que geralmente são as únicas coisas em pé nas casas após essas catástrofes. Apenas leve travesseiros grandes para se proteger dos detritos que possam cair sobre você. Se você sentir que o vento é tão forte que pode te levar embora, segure-se nas torneiras.


Foto: Reprodução/Pixabay

10. Numa emergência, use papel alumínio para preencher a lacuna no compartimento da pilha se não as tiver no tamanho correto.
Imagine só a cena: você está preso no meio de uma situação difícil, ou mesmo de um desastre natural, e precisa desesperadamente de pilhas AA, mas só pode encontrar AAA.
Se você conseguir localizar algum papel alumínio, poderá usá-lo facilmente para resolver a situação. Teste e veja por si só!


Foto: Reprodução/Pixabay

11. Este polvo tem veneno suficiente para matar 26 adultos ao mesmo tempo.
Apesar de ser muito pequeno, o  blue-ringed octopus é um dos animais marinhos mais mortais do planeta e seu veneno pode matar um total de 26 seres humanos adultos em questão de minutos.
Dentro de 5 a 10 minutos da picada, a vítima começa a sentir parestesia, dormência e dificuldade em respirar. Náusea e vômito são outros dois efeitos principais. Há casos em que se diz que as pessoas estavam conscientes, mas eram incapazes de falar ou se mover. Portanto, se você notar essa pequena criatura, não a provoque de maneira alguma e apenas se afaste dela para continuar vivo.


Foto: Reprodução/Pixabay

12. Ondas quadradas são lindas, mas escondem correntes poderosas por baixo delas.
Os sistemas de ondas quadradas (ou como são chamados cientificamente: Cross Sea) são um fenômeno causado quando as ondas de certos sistemas climáticos continuam a existir, mesmo que o vento tenha mudado.
As ondas podem parecer bonitas, mas existem correntes poderosas escondidas sob a superfície e é por isso que as ondas ainda existem, mesmo que o vento tenha mudado. Se você vir essas ondas sendo formadas enquanto estiver na água, deve sair do mar o mais rápido possível para se manter seguro.


Foto: Reprodução/Pixabay


Foto: Reprodução/Pixabay

Avatar

Artigo escrito por Alex Valadares, engenheiro eletricista por formação e grande admirador do mundo da arquitetura e curiosidades do mundo. Fundador, produtor, editor e roteirista do site X4T e página Portal na rede.

22 fotos únicas mostrando como são na verdade algumas coisas por dentro

20 vezes que os animais nasceram com características únicas que os fizeram especiais