in

17 provas mostrando que o Reino Unido é bastante diferente do resto do mundo

O Reino Unido é uma união política de quatro “países constituintes”: Escócia, Inglaterra, Irlanda do Norte e País de Gales; onde o governo é regido por um sistema parlamentar, cuja sede está localizada na cidade de Londres, a capital, e por uma monarquia constitucional que tem a rainha Elizabeth II como a chefe de Estado. As dependências da Coroa das Ilhas do Canal (ou Ilhas Anglo-Normandas) e a Ilha de Man (formalmente possessões da Coroa), não fazem parte do Reino Unido, mas formam uma confederação com ele.
Muitos afirmam que ele está cheio de segredos e lendas que intrigam não só os turistas, mas também os próprios britânicos. Você sabe quem os príncipes Harry e William interpretaram em Guerra nas Estrelas? Qual a relação entre a rainha britânica e o conde Drácula? E por que as músicas da Britney Spears são usadas pelos militares britânicos como uma arma eficaz contra piratas?
Pensando nisso nossa equipe de redação do site X4T, reuniu alguns os fatos interessantes e surpreendentes sobre o Reino Unido, que podem surpreender diversas pessoas. Confira a lista abaixo!

1. A rainha Elizabeth II é uma parente distante do conde Drácula
Recentemente, veio à tona a informação de que existe parentesco entre a família real britânica e Vlad III (Vlad Drăculea, em romeno), mais conhecido como Vlad Drakul ou conde Drácula. Ele foi um nobre do século XV, cujos atos cruéis deram origem às lendas sobre vampiros. Foi confirmado que Maria de Teck, a avó da rainha Elizabeth II, tem um parentesco distante com um dos filhos de Vlad.


Foto: Reprodução/East News

2. A escravidão foi oficialmente abolida no Reino Unido somente em 2010.
O tráfico de escravos foi abolido e proibido no século XIX, mas até abril de 2010 não havia nenhuma lei no Reino Unido que criminalizasse o trabalho compulsório. Por exemplo, Saida Khan, uma mulher do Norte de Londres, foi a primeira a ser condenada sob essa lei, quando o júri a considerou culpada por levar uma mulher da Tanzânia para o Reino Unido para trabalhar como sua “empregada doméstica”.


Foto: Reprodução/East News

3. Os príncipes Harry e William participaram das gravações de Guerra nas Estrelas.
Os funcionários de um estúdio cinematográfico famoso contaram que os príncipes participaram das gravações do filme Guerra nas Estrelas: Os Últimos Jedi, quando visitaram o set de filmagem em Londres em 2016. Harry e William atuaram como stormtroopers, os guerreiros da tropa de base do Império Galáctico.

Foto: Reprodução/East News


Foto: Reprodução/East News

4. Um dos monarcas tinha como animal de estimação um urso polar, que vivia nas margens do Tâmisa.
O rei Henrique III tinha um urso polar “de estimação”, que recebeu como presente do rei na Noruega. O animal foi mantido na coleira na Torre de Londres, e o deixavam nadar no Tâmisa para que pegasse os próprios peixes.


Foto: Reprodução/East News

5. O metrô poderia ter se tornado um transporte aquático.
O primeiro metrô do mundo foi inaugurado em Londres. Inicialmente, os túneis subterrâneos deveriam ser enchidos com água para transportar passageiros em navios não mecânicos, mas eventualmente decidiram construir um sistema subterrâneo de ferrovias elétricas, como existe hoje.


Foto: Reprodução/East News

6. Os pássaros “inverteram” o tempo de Londres.
O grande relógio de Londres começou a funcionar em 1859. A torre com o relógio e o sino é, na verdade, chamada de Torre Elizabeth (até 2012 o nome era Torre Santo Estevão). E o sino (Big Ben) recebeu seu nome em homenagem ao Sir Benjamin Hall, um comissário de fábrica britânico. A torre resistiu a diversos bombardeios alemães durante a Segunda Guerra Mundial, mas, em 1949, um bando de pássaros pousou no ponteiro dos minutos e o movimentou, o que fez com que o relógio ficasse 5 minutos atrasado.


Foto: Reprodução/East News

7. No País de Gales, o traje de Natal tradicional parece bastante assustador.
Há uma tradição “incomum” de Natal no Sul do País de Gales, que começou em 1800. Um homem deve vestir uma túnica branca e segurar um pedaço de pau, no qual está preso o crânio de um cavalo decorado com fitas e olhos de vidro. Vestida dessa forma, a pessoa passeia pela cidade cantando canções tradicionais e coletando presentes.


Foto: Reprodução/East News

8. Você poderá ser multado se for ao cinema aos domingos.
De acordo com uma antiga lei, ainda em vigor na Irlanda do Norte, é proibido ir ao cinema aos domingos. Você pode ser multado em até 50 libras (R$ 280) se os agentes de polícia quiserem implicar por causa disso.


Foto: Reprodução/East News

9. Até mesmo os habitantes locais não conseguem lembrar exatamente os nomes de suas cidades do interior.
Llanfairpwllgwyngyllgogerychwyrndrobwllllantysiliogogogoch é a localidade com o nome mais comprido do Reino Unido e um dos mais longos do mundo, com 58 letras, e fica no território do País de Gales. No entanto, não condiz com as regras tradicionais de nomes galeses e foi inventado apenas para entreter os turistas. Pode ser traduzido do galês para algo como “Igreja de Santa Maria no fundo do aveleiro branco perto de um redemoinho rápido e da Igreja de São Tisílio da gruta vermelha”.


Foto: Reprodução/East News

10. Há mais restaurantes indianos em Londres do que na maioria das grandes cidades da Índia.
Cada vez mais, os londrinos estão dando preferência para a cozinha estrangeira. Hoje, na capital do país há mais restaurantes indianos do que nas grandes cidades da Índia, como Mumbai e Nova Délhi. E alguns dos pratos indianos famosos mundialmente (como o Tikka Masala) foram, na verdade, criados na própria Inglaterra e não são nem preparados na Índia.


Foto: Reprodução/East News

11. As músicas da Britney Spears são usadas pelos militares como armas.
De acordo com relatórios militares, grandes sucessos como “Oops! I Did It Again” e “Baby One More Time”, da cantora Britney Spears, foram usados pelos oficiais navais britânicos em uma tentativa de afugentar piratas da costa do Leste africano. As músicas foram escolhidas por uma equipe de especialistas militares, pois estes sabiam que os piratas da Somália odiavam a cultura ocidental, e as música de Britney Spears são apenas um exemplo bastante marcante dos valores da cultura americana. Assim que os piratas ouviam a voz da cantora pelos alto-falantes, começavam a navegar para a direção oposta.


Foto: Reprodução/East News

12. Há um monumento em Londres em homenagem àqueles que morreram em uma luta de sanduíches.
A menor escultura de Londres está localizada na entrada de um prédio na Philpot Lane. A obra exibe a imagem de dois ratos lutando por um pedaço de queijo. A história por trás dessa pequena escultura é, no entanto, bastante trágica. No momento em que o prédio estava sendo erguido, dois operários começaram a brigar, dizendo que um havia roubado o sanduíche de queijo do outro. A estrutura na qual eles estavam não aguentou a movimentação por conta da briga e desmoronou, aterrando os trabalhadores nos escombros. Mais tarde foi confirmado que o sanduíche de queijo não havia sido roubado por nenhum dos dois homens, mas sim por um rato.


Foto: Reprodução/East News

13. No Reino Unido, é possível alugar “amigos” para chorar por você.
Por 45 libras a hora (R$ 250), você pode encomendar na Inglaterra atores profissionais que interpretarão amigos do falecido em um funeral. Eles normalmente expressam sua “tristeza” de forma bastante emocional.


Foto: Reprodução/East News

14. O futebol foi inventado por agricultores.
Segundo uma lenda antiga, o futebol foi inventado acidentalmente por agricultores anglo-saxões que encontraram o crânio de um soldado dinamarquês nos campos de plantações. De forma a expressar a antipatia pelos dinamarqueses (e também para se divertirem), os homens começaram a dar pontapés no crânio e chamaram o “jogo” de “chute na cabeça do dinamarquês”.


Foto: Reprodução/East News

15. Os ingleses não parecem lavar os pratos completamente.
Jenny Mamedova contou em um de seus vídeos no YouTube sobre algumas características da vida britânica que ela notou depois de se mudar para a Inglaterra. Dentre elas, a blogueira fala do hábito de não enxaguar a louça, mas apenas deixá-la secar com detergente mesmo. Depois de ver como eles lavavam a louça, “me perguntei: por que vocês lavam assim? Isso é produto químico, e depois vocês vão comer aí!” Uma inglesa respondeu: “Minha mãe sempre fez assim a vida inteira, e eu faço da mesma forma. Nós ainda estamos vivos e saudáveis, não há nada de errado nisso”.


Foto: Reprodução/East News

16. Há torneiras separadas para água quente e fria.
Um blogueiro que tem um canal no YouTube chamado “Notas de um Imigrante” compartilhou um vídeo no qual fala das peculiaridades da vida no Reino Unido. Incluindo a que diz respeito aos serviços de encanamento: “Eu entendo que antigamente devia haver algum motivo para fazerem as torneiras separadas. Mas, hoje em dia?! Em casas e apartamentos modernos ainda há torneiras separadas para água quente e fria, e isso é muito irritante! Não entendo qual o motivo de fazer isso. Há apenas uma torneira na cozinha para ambas as temperaturas, mas no banheiro elas são separadas”.


Foto: Reprodução/East News

17. O palácio da rainha foi construído no local de um antigo bordel.
O Palácio de Buckingham foi construído no local de uma casa onde funcionava uma espécie de bordel. Hoje, o palácio tem mais de 700 cômodos, incluindo 19 quartos públicos, 52 aposentos reais e de hóspedes, outros 188 de funcionários, 92 gabinetes oficiais e 78 banheiros.


Foto: Reprodução/East News

Loading...

Avatar

Artigo escrito por Alex Valadares, engenheiro eletricista por formação e grande admirador do mundo da arquitetura e curiosidades do mundo. Fundador, produtor, editor e roteirista do site X4T e página Portal na rede.

24 vezes que as pessoas erraram suas mensagem e bombaram a Internet

12 coisas que todo casal faz, mas não gostam de admitir