in

Saiba como são 10 produtos populares antes de chegarem às prateleiras

Muitas vezes as pessoas estão tão entretidas com seus afazeres, seja no trabalho, ou até mesmo em seus momentos de distração que acabam não prestando atenção nos itens em nosso redor. Muitos dos produtos que consumimos com bastante frequência possuem ingredientes que nunca vimos.
Pensando nisso, nossa equipe de redação do site X4T, reuniu uma lista que mostra claramente como são 10 produtos populares antes de chegar às prateleiras. Vale a pena conferir as fotos abaixo!

1. Esmalte de unha
Alguns tipos de cosméticos são usados há milhares de anos, mas isso não se aplica ao esmalte. Na realidade, ele é uma invenção do século XX. No antigo Egito, uma das mais importantes civilizações da antiguidade, as pessoas usavam hena para pintar as unhas, um produto bastante diferente do esmalte que conhecemos hoje em dia.
As empresas de hoje usam diferentes tipos de ingredientes e produtos químicos para fazer seus esmaltes, mas um deles é comum a todas elas: a nitrocelulose, um composto cujo aspecto se assemelha muito ao algodão ou a um líquido gelatinoso.


Foto: Reprodução/shutterstock

2. Chiclete
No passado, as pessoas tinham o hábito de mascar diferentes tipos de substâncias aromáticas para buscar um pouco de frescor ou até mesmo para lidar com a sede. Essas substâncias podiam ser cera de abelha, galhos aromáticos ou até mesmo resina de árvores.
Hoje, os chicletes são feitos de um material semelhante ao látex natural extraído das árvores. Alguns são feitos com resina de pinheiro ou guta-percha, mas há também a resina de uma árvore conhecida como “jetulong”, que tem um aspecto bastante leitoso.


Foto: Reprodução/shutterstock

3. Vassouras
Mais ou menos um milhão de garrafas plásticas são compradas por minuto ao redor do mundo todos os dias, um número bastante preocupante quando o assunto é sustentabilidade. É por isso que é muito importante encontrar uma maneira útil e prática de reaproveitar o plástico após o uso.
Hoje em dia existem muitos tipos de vassoura, e algumas são feitas com plástico reciclado, o que mostra que alguns fabricantes encontraram uma forma de reutilizar o plástico para tentar ajudar o meio ambiente.


Foto: Reprodução/shutterstock

4. Noz-moscada
A noz-moscada é uma especiaria de sabor muito forte e que consegue alterar o gosto dos pratos mais simples. No entanto, a noz-moscada que geralmente compramos é muito diferente daquela que encontramos na natureza.
Nativa das Ilhas Molucas e das ilhas tropicais das Índias orientais, ela cresce em árvore e sua semente fica dentro de uma casca coberta por uma membrana avermelhada. Quando a noz-moscada fica madura, a casca externa se quebra e cai no chão. Na imagem vemos como a versão natural e a que compramos são muito diferentes.


Foto: Reprodução/shutterstock

5. Batatinha
Batatinhas (salgadinhos) são petiscos deliciosos e podem ser encontradas nos mais diferentes sabores. No entanto, embora possam parecer fatias finas de batata, elas são outra coisa. Para fazer as batatinhas que compramos no supermercado, a grande maioria das empresas faz uma mistura de água, flocos de batata e amido de milho.
Essa mistura é prensada e depois cortada em um molde em forma de chips. Em seguida, elas passam por um processo de fritura que dura cerca de 11 minutos. Depois disso, o excesso de óleo é retirado, elas são temperadas, embaladas e distribuídas.


Foto: Reprodução/shutterstock

6. Lâmpada de lava
Desde sua invenção (no início dos anos 1960), milhões de lâmpadas de lava já foram vendidas como objetos de decoração.
A magia das lâmpadas de lava se deve aos ingredientes usados ​​em seu interior. Existem dois componentes que são bastante conhecidos: cera e óleo. O óleo ajuda a cera a aquecer; uma vez aquecida, ela sobe lentamente e depois começa a esfriar e desce novamente.


Foto: Reprodução/shutterstock

7. Espelho
Os espelhos existem há mais ou menos 8 mil anos e hoje não conseguimos imaginar nossas vidas sem eles.
O método atual de fabricação é bastante simples. A base para a confecção é uma placa de vidro normal sobre a qual são aplicadas diferentes camadas de outros compostos. Além disso, existem diferentes tipos de revestimentos reflexivos que podem ser aplicados.


Foto: Reprodução/shutterstock

8. Galão de água
Além de mais resistentes, as garrafas de plástico são muito mais fáceis e seguras de manusear do que as garrafas de vidro. É por isso que a maioria das empresas de bebidas optam por elas.
Existem alguns tipos de plástico que os fabricantes usam para fazer garrafas. No entanto, elas não são feitas no tamanho que vemos no supermercado. Até mesmo os grandes galões começam como pequenos tubos que mais tarde são inflados com calor e moldados na forma que conhecemos.


Foto: Reprodução/shutterstock

9. Coca-Cola
A Coca-Cola é uma das bebidas mais populares do mundo, e isso provavelmente tem relação com o seu sabor bastante característico. Na verdade, a receita original é conhecida por apenas duas pessoas, e elas nunca viajam juntas. A receita fica guardada em um cofre de segurança máxima.
Contudo, existe um ingrediente que é conhecido: a noz-de-cola, composto que dá nome à bebida. Essa noz é encontrada na África Ocidental e seu cultivo foi introduzido na Europa por volta de 1500, mas já no século XIX muitos países passaram a utilizá-la.


Foto: Reprodução/shutterstock

10. Castanha-de-caju
A castanha-de-caju tem pouco açúcar e é rica em proteínas vegetais, portanto pode ser incluída em muitos tipos de dietas. Além disso, é deliciosa e pode ser usada em pratos doces e salgados.


Foto: Reprodução/shutterstock

Avatar

Artigo escrito por Alex Valadares, engenheiro eletricista por formação e grande admirador do mundo da arquitetura e curiosidades do mundo. Fundador, produtor, editor e roteirista do site X4T e página Portal na rede.

25 objetos em que a vida útil ultrapassou todos os limites

19 motoboys mostrando que essa profissão pode ser muito mais divertida do que pensamos