in ,

32 coisas nas quais os verdadeiros nomes talvez você não conheça, apesar de vê-las sempre

Em nosso cotidiano podemos observar diversas coisas que fazem parte diretamente ou indiretamente de nossas atividades diárias, possuem nomes bem diferentes daqueles pelos quais conhecemos. Alguns traços físicos, objetos ou situações como por exemplo: o cheiro da chuva ou aquela camada de plástico que envolve a ponta dos cadarços tem nomes certos, mas muitas pessoas os desconhecem.
Pensando nisso, a equipe de redação do site X4T, selecionou uma lista para que você possa descobrir o nome real de coisas que fazem parte do seu dia a dia. É bem possível que você esteja usando um termo equivocado para se referir a alguma coisa ou situação. Muitos itens da lista certamente os nomeamos de uma maneira muito diferente dos seus nomes corretos. Vale a pena conferir a galeria completa!

Anúncios

1. Talvez você achasse que se chamava alça. No entanto, a parte com forma curva que sobressai das xícaras se chama asa.

Foto: Reprodução/Pexels

Anúncios

2. O espaço que existe entre as sobrancelhas de uma pessoa se chama glabela.

Foto: Reprodução/Pexels

3. Quincunce é o nome dado à disposição geométrica de cinco elementos em que quatro deles formam um quadrilátero, normalmente um quadrado, e o quinto elemento está centrado no cruzamento das diagonais.

Foto: Reprodução/ejaugsburg / Pixabay

Anúncios

4. Talvez você se refira ao hábito simplesmente como “fazer carinho na cabeça”, mas existe um termo próprio para a ação de acariciar o cabelo para fazer alguém adormecer ou se acalmar: cafuné. A palavra só existe em português.

Foto: Reprodução/Pexels

5. A parte metálica que envolve partes de diferentes objetos cilíndricos como pincéis e lápis se chama virola. É usada para preservar as bordas, moldá-las ou sustentá-las em algo específico.

Foto: Reprodução/Pixabay

Anúncios

6. Ainda que o “&” seja conhecido como aquele “e” estranho (ou “e” comercial), o nome do símbolo é ampersand, que vem do termo em inglês.

Foto: Reprodução/Pexels

7. A cabeleira comprida e desgrenhada que fica solta sobre os ombros se chama guedelha. O termo é usado também para se referir à juba de um leão.

Foto: Reprodução/Pexels

Anúncios

8. Aquela parte da perna oposta ao joelho, no ponto onde se flexiona, recebe o nome de jarrete.

Foto: Reprodução/Pexels

9. As linhas ou os espaços que aparecem na grama devido à erosão dos passos humanos ou de animais se chamam veredas.

Foto: Reprodução/Kyknoord / Wikimedia Commons

Anúncios

10. A pequena ampola de vidro com forma arredondada presente em termômetros se chama bulbo.

Foto: Reprodução/Menchi / Wikimedia Commons,

11. A curva plana em forma semelhante a um 8 ou ao símbolo do infinito se chama lemniscata.

Foto: Reprodução/Pexels

Anúncios

12. Talvez você sempre tenha chamado de furos, mas os orifícios presentes em sapatos, tênis e algumas peças de roupa são chamados de ilhós de metal.

Foto: Reprodução/Pexels

13. Algumas mochilas possuem uma pequena parte de couro ou plástico com ranhuras. Por conta do formato, é chamado de nariz de porco, e serve para pendurar certos objetos.

Foto: Reprodução/ Ubcule / Wikimedia Commons,

Anúncios

14. Esta parte mais funda e localizada no lado aposto ao cotovelo também tem nome. Chama-se fossa cubital.

Foto: Reprodução/cocoparisienne / Pixabay

15. Apesar de conhecermos apenas como “sinal de multiplicar” e de algumas pessoas confundirem com a letra “x”, seu nome também pode ser sautor.

Foto: Reprodução/Pexels

Anúncios

16. A peça resistente encontrada na extremidade de guarda-chuvas também tem nome! Se chama ponteira e tem a função de proteger o objeto.

Foto: Reprodução/MargaritaMorales / Pixabay

17. Talvez você nunca tenha pensado que as linhas da mão possuem um nome próprio, mas elas se chamam pregas palmares.

Foto: Reprodução/SookyungAn / Pixabay

Anúncios

18. A cortina feita de tecido fino, com o objetivo de permitir a passagem de luz sem tirar a privacidade de quem está dentro se chama voal.

Foto: Reprodução/Andreas Praefcke / Wikimedia Commons

19. O pedaço de metal que funciona para segurar o fechamento de garrafas e potes é chamado de grampo.

Foto: Reprodução/ pixel2013 / Pixabay

Anúncios

20. O nariz dos cachorros também tem um nome. Sim, pode parecer estranho, mas o termo correto é trufa.

Foto: Reprodução/TangySprinkles / Reddit

21. As coisas que rolam nos desertos e que vemos nos filmes são chamadas de ervas daninhas ou tumbleweed.

Foto: Reprodução/ A. Balet / Wikimedia Commons e ImperfectTommy / Edmond Meinfelder

Anúncios

22. Talvez você tenha pensado que esta parte do cadarço não tivesse nome. No entanto, é chamada aguilha e existe para entrar facilmente nos orifícios dos calçados, além de impedir que suas fibras se separem.

Foto: Reprodução/robsonmelo / Pixabay

23. Esta característica física é conhecida popularmente como dedo do “pé grego”, no entanto, a variação de ter o segundo dedo mais longo do que o dedão é chamada de dedo do pé de Morton.

Foto: Reprodução/CoreCofa / Imgur

Anúncios

24. O cheiro produzido pela chuva que cai em solo seco e é conhecido popularmente como “cheiro de terra úmida” é chamado tecnicamente de petricor.

Foto: Reprodução/Victoria_Borodinova / Pixabay

25. O espaço ou o buraco existente entre dois dentes é chamado de diastema e pode ser causado por um distúrbio do tamanho dos dentes.

Foto: Reprodução/Ian Furst / Wikimedia

Anúncios

26. A parte esbranquiçada na base das unhas no formato de Lua Crescente é chamada de lúnula. Tende a desaparecer na velhice.

Foto: Reprodução/Myriams-Fotos / Pixabay

27. Quando um bebê nasce, os médicos escutam seu primeiro choro e isso é chamado de vagido, palavra que também se refere ao gemido do recém-nascido.

Foto: Reprodução/TaniaVdB / Pixabay

Anúncios

28. As pequenas tiras que as calças possuem para prender peças ou para enroscar algo ou segurar o cinto são chamadas de passantes.

Foto: Reprodução/Pezibear / Pixabay

29. Você provavelmente sempre chamou isto de “sinal de divisão”, mas na verdade o símbolo se chama óbelo.

Foto: Reprodução/Pexels

Anúncios

30. Esta pequena fenda que vai do lábio superior ao nariz é chamada de sulco nasolabial ou filtrum (e alguns animais também a têm).

Foto: Reprodução/ Mikael Häggström / Wikimedia Commons e Pezibear / Pixabay

31. Poularmenpte, é conhecido como “almofada para alfinetes” ou “porta alfinetes” e até alfineteiro.

Foto: Reprodução/rgaudet17 / Pixaba e SteveK/Wikimedia Commons

Anúncios

32. Arames de cores diversas que são usados para lacrar de maneira segura qualquer tipo de produto, como embalagens de pão. Seu nome é amarrilho.

Foto: Reprodução/Genial Guru

Artigo escrito por Alex Valadares, engenheiro eletricista por formação e grande admirador do mundo da arquitetura e curiosidades do mundo. Fundador, produtor, editor e roteirista do site X4T e página Portal na rede.

29 pessoas que escolheram a tatuagem certa, mas erraram no tatuador

22 pessoas que definitivamente não esperavam nada de bom, mas ganharam na “loteria da sorte”